Variados

Auto-explicativo. Anúncio profético. Depois do Reagan viria o bélico Busch de canhão. Criação de Ulisses Tavares, free-lancer para…(alguém lembra?, nos avise…)

Durante anos foi cliente do estúdio A La Carte, do Ulisses com o Chien. Por coincidência, o estúdio de fotografia ficava na mesma vila da Rua Pamplona, em Sampa, parede e meia com a casa do estúdio. Uma praticidade, e segurança, a mais para fotografar as valiosas jóias da H.Stern. Melhor ainda é que a recepcionista do A La Carte tinha as mãos lindas, ideais para os anéis.

Do tempo em que cigarro não dava câncer, rs. JWT Rio de Janeiro.

Nem se falava em aquecimento global…Pela Siboney, São Paulo.

Cansado de ser reconhecido pelo seu talento, Ulisses queria ser conhecido também pelo seu corpinho escultural, rs. Daí atacou de modelo publicitário. Mas, tendo um nome a zerar, desistiu. Afinal só era escalado para papéis de tipos excêntricos. Uma campanha, até bem recente, mostra ele como o azarado pedidor de favores de uma atendente de fast-food. Jurou nunca mais divulgar comerciais que o mostram, embora continue sendo, volta e meia, escalado. Dessa bagaceira toda, recorda com orgulho é de ter sido modelo do legendário diretor Carlos Manga.

Anos e anos depois, cai a ficha: Ulisses criou esta campanha contra todas suas convicções de agora. Quanto mais boi, mais consumo de carne, mais aquecimento global e suas sequelas. Uau. O passado me condena, o presente como ambientalista me absolve, talvez.

Primeira casa da França no Brasil, no Shopping Center Iguatemi.

O Brasil começava a se informatizar…tudo era novidade. Até o micro-computador.